quarta-feira, 16 de junho de 2010

Vamos ao jogo 7

Parecia outro time aquele de amarelo. E era (era, na essência, um time jogando como um time - como deve ser sempre, diga-se). Ron Artest anotou oito de seus 15 pontos no primeiro quarto, o banco contribuiu com 25 (até o final do terceiro período, os Celtics não viram nenhum reserva pontuar), os angelinos dominaram os rebotes (52 contra 39) e abriram 27 pontos (maior vantagem de toda final). Assim ficou difícil para o Boston, que perdeu o jogo 6 por 89-67 e viu a série ficar empatada em 3-3 - os verdes ainda precisam saber a real condição de Kendrick Perkins, que saiu contundido no segundo período.

Os Lakers começaram muito bem, e empurraram o Boston para uma armadilha já conhecida. Liberado para arremessar, Rajon Rondo falhou de novo (5/15). Além disso, Phil Jackson mudou os planos e fez com que a marcação migrasse para o garrafão (a zona pintada ficou "lotada" de amarelos), deixando Kevin Garnett (6/14) sem tanto domínio sobre Pau Gasol e sem espaço para desferir seus passes. Por isso o resultado dos três pontos dos Celtics foi pavoroso (5/23). Sem conseguir "fazer a defesa", Paul Pierce ficou muito exposto no mano a mano contra Ron Artest e pouco ajudou (6/14). Do outro lado, Kobe Bryant terminou com 26 pontos e Pau Gasol com 17 pontos, 13 rebotes e nove assistências.

Na quinta-feira, porém, não tem escapatória: Lakers e Celtics entram em quadra para decidir o campeão da NBA. Independente do que aconteça, uma coisa é certa: esta decisão não poderia terminar antes de sete partidas. Nós, amantes do jogo, merecíamos. Que a bola suba logo para a grande final! Desde já a caixinha fica aberta para a pergunta: quem vence?

13 comentários:

Nairo disse...

Em casa a historia e outra

PauloRJ disse...

Bala, eu esperava que o Lakers ganhasse hoje, mas não com tamanha diferença.

Tudo pode acontecer no jogo 7, e eu aposto (obviamente) no Lakers...não só por ser torcedor, e muito menos por causa do resultado de hoje, mas por estar jogando em casa, o que faz muita diferença na maneira como os bancos de ambos os times tem jogado...se o Celtics aparecer para jogar eu espero um jogo memorável.

Fabio Massalli disse...

Foi o jogo perfeito do lakers, que ganhou no jogo de equipe, na defesa dura e no trabalho consistente do banco. A vantagem de jogar em casa é que em LA muitos dos coadjuvantes dos Lakers jogam melhor em LA e praticamente desaparecem fora, o que, de certa forma, obriga Kobe a centralizar mais o jogo. Destaque também para a desfesa de Shannon Brown, que marcou muito bem Ray Allen quando Fisher saiu pendurado em faltas.

Fábio Massalli - leia mais em http://www.odiario.com/blogs/cestapancadaearte

Anônimo disse...

Perkins machucou o joelho ou foi só um susto ??

Anônimo disse...

Pra que sete de jogos, se no fim da história tá tudo empatado, e o que vai decidir mesmo é um jogo só? Hehehe.
Brincadeiras a parte, depois de um playoff marromeno, com um monte de varrida e mais outras tantas séries decididas já no terceiro jogo, sete de jogos é um presentão para quem gosta de basket.

Heverton Elias

Bruno disse...

Sensacional jogo do Los Angeles Lakers!
Tudo funcionou bem, até a coincidência de Bynum ter colapsado de vez e saido para não mais voltar, com a contusão, que parece ser séria, de Kendrick Perkins.

Agora, apesar de tudo, o Lakers "só" fez 89 pontos no boston, que é mais ou menos o que o ataque do Lakers consegue contra essa defesa:entre 88 e 95 pts, não sai disso, o que decidirá a série, o jogo 7 e o título será a defesa do Lakers.Sempre achei que com a vinda de Artest, e consequentemente a perde de efetividade de Pierce contra o Lakers, o ataque do celtics não assusta.Se o Lakers defender com foco e comprometimento por 48 minutos, o Celtics não passa dos 85 pts, e ai é Lakers bi campeão.
Se Perkins não jogar, e é praticamente certo que ele não jogue,o banco do Celtics fica muito frágil com Rasheed indo pra titular, se o Lakers forçar Gasol ou Bynum, mesmo que este jogue pouco, em cima dele e pendurar o cara com faltas, a coisa fica complicada para Boston.
Ficou mais para o Lakers, e digo que se fosse contra qualquer time da NBA, qualquer um, diria com 100% de certeza que o Lakers seria campeão, mas com a grande defesa, e com a tradição do Celtics, tudo pode acontecer.
A série merecia um jogo 7.

fábio balassiano disse...

anônimo, o perkins torceu o joelho.
hoje terão mais exames para saber a real gravidade.

Abs, Fábio

Anônimo disse...

Como torcedor: LA em 7.

Como amante de basquete: OBRIGADO PELOS 7 JOGOS.


O Lakers leva um pequena vantagem por jogar em casa, mas nada esta definido. Que finais.

Senasacional

Abs

Alexandre Reis

Ramona, a Glam disse...

Hauauauauaua, com essa correria de copa esqueci de assistir ao jogo 6. Imagina se terminasse ontem, eu me matava!!!

Daniel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
fábio balassiano disse...

mexi, daniel, valeu.
abs, fábio

Daniel disse...

Fabio só uma correção : o Lakers venceu nos rebotes por 52 a 39.

O que foi as 2 enterradas do Brown?
como salta o garoto! tanto o alley-oop quanto a cravada ele voou muito. Incrivel!

Duda 11 disse...

Quando Gasol e Kobe jogam bem, é muito difícil ganhar dos Lakers!!! Quanto ao jogo 7, estou esperando uma partida muito dura e disputada, diferente da de ontem!