segunda-feira, 14 de junho de 2010

A grande chance

Vamos aos fatos. Splitter é o MVP da Liga Espanhola. Nenê, Varejão e Leandrinho, descansados e empolgados, já confirmaram presença. Huertas se firma como um armador confiável, e terá Valtinho na reserva. Vindo do banco, Alex deve ser o dinamite defensivo. Giovannoni está em boa forma. Tem mais dos rivais: Ginóbili, Pau Gasol, Andrew Bogut e Tony Parker não estarão na Turquia.

Ora, mas por quê diabos dizer tudo isso? Simplesmente para cravar o seguinte: no Mundial de 2010, este blogueiro aqui acha que a seleção comandada por Rubén Magnano tem grandíssimas chances de conseguir uma medalha (isso, claro, se a fase de treinos e amistosos for bem feita como acredita-se que será). Meu palpite se baseia nas boas fases de Huertas e Alex, no melhor garrafão do planeta (com exceção dos EUA, claro), no comando seguro de Magnano e na diferença que Leandrinho pode fazer com um esquema azeitado no ataque.

Pode ser que este surto de otimismo seja exagerado, mas acho que o Brasil nunca esteve em uma posição tão favorável para uma competição de alto nível nos últimos anos. Magnano terá problemas para armar o seu trio de pivôs (ele terá que colocar Nenê, Varejão e Splitter nos 80 minutos disponíveis) e descobrir um três confiável (Marquinhos?), mas o cenário que se apresenta, não tenho dúvidas, é bem animador. Não digo que a seleção masculina VOLTA com uma medalha, mas sim que ela tem boas chances para isso.

E você, o que acha? Será que o pódio na Turquia é realmente viável? A caixinha está aberta!

36 comentários:

Anônimo disse...

Não é otimismo exagerado não Bala, é a melhor geração de basquete do Brasil em muito muito tempo. Acredito que o elenco deve estar entre os cinco melhores se não os três melhores do planeta. Fazer o time jogar é que são elas, ou eram, porque finalmente temos um time e temos um técnico.

Heverton Elias

Paulinho disse...

É realmente um elenco excelente, um comandante vencedor e uma programação adequada. A seleção brasileira conta ainda com o fator surpresa, pois há muito tempo o Brasil não apresenta a força máxima numa competição mundial.

Só discordo sobre o ala da posição 3 confiável a descobrir, para mim já foi descoberto e o nome dele é Guilherme Giovannoni.

Glauco Nascimento disse...

Concordo com a questão dos jogadores da NBA, Splitter e Huertas, o que me preocupa são os jogadores que atuam no Brasil. Agora, q estamos com um ótimo time, isso sem dúvida.

Ramona, a Glam disse...

Que bom ver você otimista Bala!!!! Eu também acredito que este time vai longe. Também acho que eles podem beliscar um bronze

Anônimo disse...

Para mim, o 3 é o próprio Alex, que não é alto, mas tem físico para encarar qualquer jogador lá de fora nessa posição. É forte, rapidíssimo, marca muito. O Guilherme´seria meu 3 reserva. Tanto para o lugar do Alex quanto para o do Leandrinho, porque se o Leandrinho sair, o Alex vira 2. Cinco excelentes titulares e 3 excelentes reservas (Giovanonni, Valtinho e um dos três pivozaços). Pouqíssimas equipes têm isso. Não é exagero, eu acho.

Bruno disse...

Acho exagero, mas não é loucura pensar em medalha.

Mas pra rolar medalha, muita coisa tem que sair correta, a preparação, a motivação, como o Magnano se sairá a frente do Brasil,etc.

Mas o elenco é bom, e o técnico também.Dá para sonhar.

jdinis disse...

Concordo que o Brasil é forte candidato a medalha, pelas razões citadas no post. Nada a acrescentar.

Acho que Marquinhos é uma boa opção de ala, mas precisa marcar e também ser consistente nas finalizações. Tenho certeza, entretanto, que o Magnano vai saber perceber se ele está apto para essa função ou não.

Sds.

fábio balassiano disse...

fala, galera, beleza?
alto nível a discussão aqui.
algumas coisas, porém:

1) gosto do giovannoni, e ele seria o meu 3 titular. mas tem um probleminha: ele não joga neste posição há mais de quatro anos (é só ler na entrevista dele aqui no blog).

2)Acho que o Alex não rende de 3 em nível internacional. contra caras mais altos, o famoso "post-up" se faria presente mais do que nunca. e além disso dificultaria a rotação do leandrinho, que nunca foi muito "de defesa".

3)nem eu acredito que estou otimista... ahaha

Abs, Fábio

Felipe Modesto disse...

Acho que você está corretissimo Bala. E digo mais, fiquei muito feliz com esse seu post porque mostra que não estou maluco.Isso de o Brasil ser possível medalhista me passou pela cabeça, mas pensei que estava delirando, lendo a opinião de um cara que entende mais ainda percebo que é plausível sim.
Só não concordo com o lance do Marquinhos. Pra mim ele é do tipo peladeiro, e, mesmo que ele tenha se enquadrado em um estilo mais seguro de jogo, acho ele muito omisso em ocasiões importantes.

Abraço!

Anônimo disse...

Marcelinho já deu provas de sobra que ainda é o melhor jogador em atividade no pais (Jogou mto mais que Valtinho, Alex, Guilherme,....)portanto tem , SIM, seu lugar no grupo.

Disse GRUPO, já que no time titular não dá mais (para falar a verdade, nunca deu, vide resultados). Mas ele é uma peça importante para o elenco, dada sua liderança que na seleção sempre tem sido positiva.....além de ser uma opção de ataque dos 3 para momentos específicos dos jogos .

bigmanrj disse...

Você não pode comparar o basquete brasileiro (Alex e Guilherme) para um Mundial. A seleção terá um Leandrinho ainda sentindo dores no pulso, Nenê voltando de um braço quebrado e sem o físico e um Varejão saudável, mas o prncipal, nesta seleção, é a falta gritante de laterais defensivos e ofensivos.

Fábio Barcelos disse...

Bala, concordando com o Anônimo - 14:53, Marcelinho (da Copa América, não o do Flamengo) pode ser um boa opção e participar bem da rotação. A diferença em ser opção e ser a ÚNICA opção é grande. Com um ótimo jogo de garrafão e dentro de um esquema de jogo, pode sobrar espaço para seus precisos chutes.

Abraço, Fábio Barcelos - ABASCA

Anônimo disse...

A melhor seleçao dos ultimos 20 anos.
Os garotos nao sao mais moleuqes, todos com grande responsabilidade familiar e profissional.
Um tecnico disciplinador taticamente,extramamnete comprometido com o Brasil.
Ele é argentino, porem de Cordoba, interior, diferente do portenho.
Para finalizar, acredito no Marquinhos, acho que evoluiu muito na Italia,deve ter seu grande teste nesta Sel Bras.Um jogador de 2,07 que pode jogar como coringa, pois leva bola, corta, da assistencia e chuta de fora.
Creio que o Maganano sabera avaliar bem se esta apto ou nao.
Nao deixa de ser uma otima esperança.

Márcio-33 disse...

Concordo com você Bala, esta seleção tem muito potencial, temos um garrafão dos melhores e a armação está em ótimas mãos. O único porém é a posição 3, não acho que Marcelo Machado possa assumir este posto exceto por momentos chave, onde se necessita uma bola de três, assim como jogavam John Paxon e Steve Kerr no Bulls. Com ele em quadra por muitos minutos o Brasil perde muito no setor defensivo pois todos sabem que é o seu ponto fraco. O Marquinhos também é ofensivamente muito bom mas além da indisciplina tambem é fraco defensivamente. Alex ao contrario dos dois é uma maquina defensiva, mas é baixo, e apesar da boa impulsão vai levar desvantagem contra alas que passam dos 2,05m. Giovanonni é alto define bem mas é lento para a posição. Agora, estas são nossas opções então vamos esperar que o Magnano consiga extrair o melhor de cada um deles.
Quanto a medalhas,concordo que as chances são grandes, mas não podemos esquecer que o nível de competitividade é muito grande, e da minha parte vou ficar muito feliz se puder ver um time jogando um bom basquete e disputando de igual para igual com os grandes do mundo, e se vier uma colocação entre os primeiros minhas expectativas estarão atingidas!

Anônimo disse...

Eu escalaria assim:

1- Huertas
2- Leandrinho
3- Giovannoni
4- Varejão
5- Nenê

Banco: Splitter, Valtinho, Alex, Marcelinho, Marquinhos, Murilo e Tavernari.

Anônimo disse...

Eu colocaria o Guilherme na 3, sem pensar ganhariamos na altura e na rotação.

Tb acho que o Marcelinho ainda pode ser muito util a seleção, assim como o Valtinho.

Queria deixar uma sugestão aos amigos que escrevem como Anonimo e realmente estão aqui por que gostam e entendem de Basquete, ASSINEM SEU NOME, não se façam confundir com esse pessoal que vem aqui só pra falar besteira.

Abs

Alexandre Reis

Márcio-33 disse...

Realmente vai ser uma dor de cabeça para o Magnano escalar os pivos não sei como deixar nem Varejão nem Splitter no banco...talvez devessemos adotar os tres pivos do Paulo Murilo!

Brincadeira!!!!


Abraxxx

Duda 11 disse...

Bala, concordo totalmente em vc, acho que temos uma equipe com capacidade para subir ao pódio! Quanto aos pivôs, escalaria Splitter e Varejão como titulares, com Nenê vindo do banco. Na armação, jogaria o Huertas e nas alas, Leandrinho e Guilherme. Pra mim, seria o time mais completo. Mas confesso que tenho dúvida sobre essa posição 3.

Anônimo disse...

Bala, se os jogadores deixarem a vaidade de lado, acho sim que é possível sonharmos com uma ótima posição, ficarmos entre os 4 finalistas já está de bom tamanho!!!

marcelo marques disse...

um jogador q eu tenho certeza q jogaria mt bem na posição 3 com 2,11 é o vitor faverani principalmente pela alta porcentagem no chute de 3 e no dominio do rebote

mas infelizmente não foi convocado

Rodrigo disse...

NA MINHA OPINIÃO, AS MAIORES RESPOSTAS, TERÃO QUE SER A DEFENSIVAS, UM JOGO INTENSO E DISCIPLINADO, E QUANTO AO JOGADOR QUE VAI SAIR DO BANCO P/ DESCANSAR O LEANDRINHO, O RENDIMENTO DO DITO CUJO (AINDA É DÚVIDA QUEM IRÁ)É FUNDAMENTAL P/ O RODÍZIO QUALIFICADO!!!!!!!!!!!!

Ricardo disse...

Eu tenho até medo desse otimismo todo, mas não tem como ser diferente... É um grupo bem forte.

Anônimo disse...

Tudo bem que realmente temos um grupo forte e que promete boas expectativas.

Magnano já fez bem em pré-selecionar os 9 que já estão garantidos......agora, Tavernari NÃO DÁ!!!!

Podemos levar garotos como Raulzinho ou Benite para ganhar experiência. O Tavernari já provou que pouco aporta a um grupo de seleção, além de estar muito mascarado, se achando.....Deve tomar um tombo do tamnho de um elefante, pois não vai passar perto do Draft, e não tem mercado na Europa.......Vai acabar por clubes como Minas ou Pinheiros.

Guilherme disse...

Dá pra brigar. O elenco é forte, estará completo, os principais jogadores estão em um bom momento, o treinador é bom e poucos estão valorizando a competição como o Brasil. Acho que o Marquinhos é a peça que falta.

Anônimo disse...

No papel o elenco é muito bom realmente, mas não sabemos as reais condições de duas peças fundamentais da equipe: Nenê - que sofreu uma contusão no braço e Leandrinho que após o problema no pulso teve uma temporda abaixo da média.


Por isso ainda é muito cedo para projetar um bom resultado como certo.

Jônathas disse...

Dá pra brigar. O elenco é forte, estará completo, os principais jogadores estão em um bom momento, o treinador é bom e poucos estão valorizando a competição como o Brasil. Acho que o Marquinhos é a peça que falta.

Concordo com qse tudo, menos com a parte q os principais estão em bom momento: o leandrinho vem de contusão e de maus jogos, e o nenê de contusão.

tirando isso, tô confiante tb.

Fábio Carvalho disse...

Sem dúvida, nunca os ventos sopraram tanto a nosso favor...

Anônimo disse...

Acredito que o Brasil tem totais condições de figurar entre as 4 primeiras seleções nesse mundial.A geração é muito boa.Não que as outras que antecederam fossem ruins,ou mais fracas.Mas essa esta com planejamento e foco ha tempos nao vistos.YES,WE CAN!
Me,myself and I

Marcus disse...

Concordo que o faverani poderia jogar na posição 3 visto que é um bom arremessador. Na ausência dele acho o Guilherme a melhor opção, ocorre que teríamos problemas na defesa (acho ele lento defensivamente). Somado ao Leandro teríamos um bom ataque e uma defesa muito ruim. Talvez teríamos que jogar com Guilherme junto com Alex e Leandro e Marcus para equilibrar um pouco a defesa. De qualquer forma se o Magnano conseguir montar um time equilibrado podemos ir longe no mundial.

breno disse...

Acho que vai depender de duas coisas:
1. Spliter conseguir se apresentar logo... (casamento + definição do contrato com o spurs)
2. do adversario que pegaremos nas quartas (ainda assim que jogando melhor ainda não conseguiremos vencer a Grécia, Espanha, USA e Turquia)
Bom tomara qu eu estaja errado e vcs certos

breno disse...

Acho que vai depender de duas coisas:
1. Spliter conseguir se apresentar logo... (casamento + definição do contrato com o spurs)
2. do adversario que pegaremos nas quartas (ainda assim que jogando melhor ainda não conseguiremos vencer a Grécia, Espanha, USA e Turquia)
Bom tomara qu eu estaja errado e vcs certos

GUGA disse...

temos que abrir o olho com a França que, apesar de não contar com o Tony Parker, terá o Joakim Noah em seu time, Nicolas Batum , Boris Diaw, Pietrus, Turiaf, Nando de Colo e um armador do Dallas cujo nome não recordo...é um baita time...além da Eslovênia que vem forte.Um abraço.

Anônimo disse...

fazer hoje uma selecao sem levar o marcelo machado do flamengo entre os 10 melhores e impossivel!

pena que o bala, contrariando o magnano , nao citou ele no post.

jdinis disse...

Acho que o Breno fez observações bem importantes (condições do splitter e adversários).

O Marcelinho é útil, mas não decisivo.

O Faverani também acho importante, mas, como o Magnano parece que falou com ele e depois não convocou, o cara não deve estar a fim.

Um jogador que não será fundamental mas NÃO pode faltar na lista final é o Augusto Cesar Lima. Consta de TODAS as projeções de futuro grande jogador e, no Unicaja, joga (eventualmente) mesmo sendo extracomunitário.

Sds.

Anônimo disse...

1) Uma formação com 3 pivos seria interessante em algum momento.

2) A principio, acho que o Guilherme seria o dono da 3

3) Acho que o Marquinhos pode colaborar muito com a seleção, pelo menos na rotação

4) Mais do que qualquer coisa, acho que o técnico é que será decisivo. Mesmo com um ou outro desfalque o Brasil tem um elenco relativamente competitivo sim.

Marcelio Leal

Anônimo disse...

Marcelinho é o JR Smith brasileiro.

Na seleção ele sempre vai fazer mais cagadas do que coisas boas simplesmente porque não tem cérebro e acha que é o melhor do elenco.

Mesmo sendo torcedor do Flamengo eu sou ciente disso e não me deixo levar pelo fanatismo.