terça-feira, 24 de novembro de 2009

Fora da Cesta - O baloncesto argentino

Por Bruna Severo

Após uma breve – ok, não tão breve assim – lua de mel em Buenos Aires, retorno ao meu querido espaço “Fora da Cesta”. Sim, casei e acho que isso é uma boa desculpa para minha ausência no último mês. Afinal, não sou o marido da Sandy que acha melhor escrever no blog em vez de aproveitar os momentos a dois. Ah, e para quem não acredita que eu existo, a foto deste post é minha.

Mas a verdade é que eu comentei sobre a lua de mel não só para dar uma desculpa pela minha ausência neste blog, mas porque ela me inspirou para este post. Nada disso... nada de detalhes íntimos. O que me inspirou foi a paixão que os argentinos têm pelo basquete. Com a mesma ênfase que eles destacam um Boca x River, fazem a chamada para os jogos da NBA. E isso na TV Aberta.

Por que isso não acontece por aqui é óbvio. Sabemos o que qualquer esporte, a exceção do futebol, passa no Brasil. Mas eu sei que há demanda para isso. Vocês que estão aqui são a maior prova disso.

Poxa, em cinco minutos na Argentina descobri quem é Emanuel Ginóbili, ou, como eles chamam, Manu ou Gino. Aqui, parei no tempo do Oscar e da Hortência, meu Deus! Há pouquíssima informação: a cobertura dos campeonatos é capenga na TV e nos jornais, o site da CBB é uma baixaria de ruim... Só resta a internet, com os blogs e twitters da vida. Aí fica complicado para seres alheios ou avessos ao basquete, como eu, terem um interesse mínimo pelo esporte.

Um desabafo à la Fábio Balassiano, mas achei importante. Stock Car domingo de manhã? Ah, corta essa, Galvão.

---------

Bruna Severo é jornalista e não entende nada de basquete. No Bala na Cesta ela se aventura com incursões no esporte da bola laranja, pois sua intenção é passar a entender da modalidade. Será que ela consegue?

16 comentários:

Thiago Anselmo disse...

Bala, parabens pelo casamento.
Felicidades e tudo de bom mesmo! XD

Só uma coisa, você casou com a Bruna Severo? Pois o que leio é que voce passou a lua de mel na Argentina, e ela acaba de voltar de la. Tudo bate, entao ela é a louca que casou-se com você?? ô dó dela... huhuhu To brincando =D

Bom, em relaçao ao basquete, vc sabe a resposta. A globo quer monopolizar tudo, e quando conseguiu os direitos de transmiçao do NBB, ja viu no que ia dar, ne? Transmissao so no SporTV e nadica de nada na globo. Normal. Eles só querem futebol por causa do Pelé... Lamentável. Eles pensam que nós somos museu para viver de um passado longinquo.

Abraços,

Thiago Anselmo.

fábio balassiano disse...

thiago, meu filho, não é bem assim.
a bruna se casou com um amigo meu, mas não comigo. o texto, aliás, é da bruna.

graças a deus continuo solteiro.
acho que ficou claro no texto...

fui a buenos aires em 2008, e volto agora no final do ano.
sem a bruna, claro...

abs, fábio.

Anônimo disse...

Independente de quem casou-se com a Bruna, o cara é de sorte, é só olhar a foto dela...rsss
Mas voltando ao basket...ultimamente eu tenho tido a impressão de que não só os argentinos, mas qualquer lugar tem valorizado o basket mais do que aqui. Uma pena um país com tantos bons jogadores na NBA, ficar nessa pitimba que estamos. Paciência.

Heverton Elias

Francisco Pereira disse...

Bruna, parabéns pelo casamento!

Marido da Bruna, mais parabéns ainda. Ela muito bonita mesmo!!

Bala, foi mal, mas eu casava com ela...

Abraço amigos!!!

Fábio Carvalho disse...

Se serve de consolo, depois de quase 1 ano na Alemanha só vi uma reportagem em jornal impresso sobre o Nowitzki, e era em um jornal impresso daqueles bem sensacionalistas sobre aquele escândalo com a ex-namorada/noiva ou seja lá o que. Talvez com excecao de Berlim e outras pequenas cidades que participam da liga nacional, ignora-se tudo o que nao seja o Futebol. Ou seja, nao é só em terras tupiniquins que a bola laranja é mal tratada.
Abracos!

Anônimo disse...

Parabéns, Bruna! O casal escolheu um bom destino para a viagem de lua de mel... A Argentina é recheada de atrações de Norte a Sul e a capital porteña é una maravija!

Meu pai mora em Buenos Aires há quase 10 anos e por lá, desde que BatManu Ginobili se transferiu para NBA e a seleção argentina (de basquete, obviamente) foi campeã mundial, etc, o povo passou a idolatrar seus craques. Ginobili é rei tal qual Maradona (talvez até mais querido) e está estampado em outdoors em qualquer bairro que se vá (assim como Messi, vale lembrar). É garoto-propaganda de quase tudo.
E sim... tem muito mais basquete na TV que por aqui!

Para finalizar: que beleza, Sr Bala! Tb irei à B.A. no fim de ano. Este reveillon estarei às margens de Puerto Madero celebrando com a família! Um brinde às boas coisas da vida!

Abs,

Eduardo.

peter schiling disse...

Parabéns pelo casamamento, Bruna! Esperamos ansiosos por posts mais frequentes, você escreve muito bem.

peter schiling disse...

Fábio Carvalho, não dá pra comparar a tradição e história do basquete no Brasil e na Alemanha. Um Nowitzki não é páreo para 2 ouros em Mundiais, duas pratas e dois bronzes. Dois bronzes Olímpicos e 4 ouros em Copa América. Isso pra ficar só no masculino (no feminino as glórias também são vastas).

Victor Dames disse...

Parabéns Bruna, pelo casório e pela beleza! Felicidades!

Quanto ao texto, você está certíssima: tirando o apoio global (que também é bem tímido para uma emissora que detém exclusividade do NBB), praticamente nada se vê na mídia tupiniquim sobre basquete, só uma coisinha ou outra sobre NBA, zero sobre estaduais, feminino, europeu... Lastimável...

Mas também não precisa exagerar, né? Acho que tem espaço pra todos os esportes. Deixa a Stock quieta, ou que pelo menos ela mude de lugar (quem sabe no Speed Channel). Eu particularmente gosto de basquete, futebol, automobilismo, tênis, golfe, futebol americano, beisebol...

Abraços!

Fábio Carvalho disse...

Peter Schiling, nao me refiro à tradicao (até porque, para ser sincero, essa anda muito esquecida pelo Brasil), mas méritos. Ser MVP em um dos esportes mais tradicionais nos EUA nao é mole e se manter sempre entre os melhores é ainda mais difícil, e isso merecia mais reconhecimento em qualquer país do mundo. É a mesma história do tênis no Brasil antes e depois do Guga (afinal, vai querer falar da tradicao da Esther Bueno?!). Enfim, apenas tive a intencao de mostrar outro país que também é sufocado pelo futebol, no que se refere à exposicao na mídia. Da mesma maneira que a imagem do Nenê, Varejao e Leandrinho deveriam ser melhor exploradas, caras como o Nowitzki e outros bons jogadores como o Jagla mereciam mais espaco na mídia como exemplo para as futuras geracoes. Isso gera mais frutos do que apenas a tradicao por si só.
Abraco!

Anônimo disse...

ë ridículo ter que assistir a eventos na TV aberta, no domingo de manhã, como skate e stock car, enquanto temos jogos de ótimo nível rolando pela nbb, sem a divulgação que eles merecem. A Globo não tem direito de transmissão sobre a NBB? Então porque manter os jogos de basquete resevados para a TV paga?? Só porque nenhum filho do Galvão resolveu jogar basquete????
Isso é um lástima....

Anônimo disse...

ë ridículo ter que assistir a eventos na TV aberta, no domingo de manhã, como skate e stock car, enquanto temos jogos de ótimo nível rolando pela nbb, sem a divulgação que eles merecem. A Globo não tem direito de transmissão sobre a NBB? Então porque manter os jogos de basquete resevados para a TV paga?? Só porque nenhum filho do Galvão resolveu jogar basquete????
Isso é um lástima....

Alexandre disse...

Parabens Bruna pelo post !!! e que pena que ja casou !!! por que vc é muito gata viu !!! rsrrsrs sorte ai no casamento, qualquer coisa ta... rsrsrsrsrsr
Abs a todos !!

Filipe disse...

Que bom que todo mundo achou a Bruna bonita, disso eu já sabia e - apesar dos xavecos furados - só eu terei o privilégio da sua companhia. Sobre o basquete, bem, ela melhorou bastante. Quando começamos a namorar, não rolava nem assistir aos jogos do FUDEROSO MENGÃO com ela. Já agora...

SRN

Anônimo disse...

haha
ficou com ciumes,

Anônimo disse...

Pelo andar da carruagem,Filipe, acho q ela vai desistir logo logo de ir contigo nos jogos do (como é q é?)"mengão"...hehehe