segunda-feira, 9 de março de 2009

Volta por cima

O ano de 2008 foi no mínimo estranho para Franciele. Começou com o Pré-Olímpico, onde se destacou, uma ida para Zaragoza e uma Olimpíada com menos de 21 anos de idade. Depois dos Jogos, voltou a Espanha, agora no Rivas, e até que começou bem. No entanto, a brasileira foi perdendo espaço no time e enviada ao Cáceres, da segunda divisão.

Mas Franciele levantou a cabeça, enxergou oportunidade na (sua) crise e mudou o rumo das coisas. Encontrou um time sem grande estrutura e na zona de rebaixamento, mas ao menos pôde mostrar o seu basquete. E é o que vem acontecendo.

Passadas nove rodadas em seu novo time, ajudou a recolocar o Cáceres nos eixos. O clube já é o nono colocado, ganhou seis posições na tabela, vem de três vitórias consceutivas e Fran possui as médias de 19,7 pontos (50% nos tiros de dois pontos), 7,8 rebotes, 19,3 de eficiência e 1,4 bolas recuperadas - no sábado, a brasileira esteve sublime na vitória pot 77-50 com 25 pontos, sete rebotes e 10-12 nos tiros de quadra. Ainda que seus quase três erros por partida pesem, é um baita desempenho. Conversei com ela no sábado, e parece que sua maturidade, que já era grande, aumentou bastante. Disse-me que faz academia, por vezes sozinha, quatro vezes por semana e vai ao ginásio treinar arremessos todos os dias.

Depois da montanha-russa de emoções de 2008, parece que Franciele reencontra o caminho e o seu basquete, que ninguém duvida que ela tem. Torçamos para que Fran consiga mantenha isso por longo tempo, e em alto nível (primeira divisão), porque comprometimento e dedicação não lhe faltam. O basquete brasileiro precisa.

5 comentários:

Anônimo disse...

Essa menina tem muito futuro viu.
Talvez seja nos próximos anos a nossa pivot 4. E com certeza será um nome constante nas convocações.

Nilton Silva

Anônimo disse...

Bruno

Ela esta jogando,em que divisão,ah! segunda divisão! Vamos ver então as estatisticas da Geisa,da Fernanda Bibiano.Acho que ela tem tudo para dar certo,agora Bala vc ter como parametros suas estatisticas na segunda divisão da Espanha!!!!É no mínimo forçar uma situação.E,vc me decepcionou no meu ultimo post,sobre a questão da resposta da CBB para vc e não foi postado,será porque eu falei que talvez quem esteja efetivamente interessado na relação CBB/Bassul seja voce,que acho que é um direito seu,ser bem informado.

fábio balassiano disse...

bruno, vc vai me desculpar, mas não captou o espírito da coisa
mas já q vc quer, vamos lá

a bibiano tem média de 9,2 pontos na mesma segunda divisão. a geisa, de 12 pontos. nenhuma das duas são mais eficientes que a franciele, também.

de todo modo, apenas pra vc ficar mais tranquilo e informado, o espírito da coisa foi mostrar que uma menina de futuro, e que estava mal, recupera o seu basquete dia após dia. e falei isso, bruno, sobre o nível da competição.
está tudo lá. é só ler direitinho...

forçar uma situação? que situação foi forçadA? nao compreendi isso...

ah, e nao vi nenhuma resposta da cbb, sinceramente. se vc me mostrar, eu agradeceria mto.

só eu estou interessado na situação bassul/cbb? vc está lendo mesmo este blog? só no post sobre a situação foram 13 comentários no primeiro post, e 11 no segundo.
acho que isso demonstra um mínimo de interesse.

mas se nao o tiver, fique tranquilo. há outros que procuram saber aonde o seu (deles) dinheiro está sendo empregado. é uma questão de percepção!

abraços, fábio balassiano

Anônimo disse...

boa fabio :D

Minas tt disse...

resumindo, estatistica so pode ser levada em consideracao quando ajuda o fabio, quando nao ajuda ele vem aqui falar do nivel do torneio, da defesa adversaria e etc, o que mais me impressiona e ele achar que a segunda divisao feminina espanhola (quantos jogos sera que ele ja assistiu deste campeonato?) tem um nivel melhor do que o da NBB.
fazer o que, o blog e dele....hahahahahahahahaha