sábado, 31 de janeiro de 2009

Palmas, muitas palmas

Hoje é um dia de festa para o basquete brasileiro. Há exatos 50 anos o Brasil conquistava o título mundial ao derrotar o Chile, dono da casa, por 73-49. Um ano depois de a geração de Pelé e Garrincha encantar o planeta na Suécia, Wlamir e Amaury comandavam o país para mais uma conquista histórica. Recomendo que assistamos ao programa especial do Sportv, às 17hs, e ao documentário da ESPN-Brasil, às 23hs, além de outras homenagens (quem souber de outras, por favor avise na caixinha!).

Parabéns a todos eles, e por isso o blog faz questão de colocar o nome de todos, além da campanha: Amaury Pasos, Carmo de Souza "Rosa Branca", Edson Bispo, Fernando Brobró, Jatyr, José Maciel "Zezinho", Otto, Pecente, Waldemar Blatskauskas, Waldyr Boccardo, Wlamir Marques e Zenny de Azevedo "Algodão". Técnico: Togo Renan Soares "Kanela" (foto ao lado).

Campanha do Brasil:

Brasil 69 x 52 Canadá // Brasil 64 x 73 // União Soviética Brasil 78 x 50 México // Brasil 94 x 76 China Nacionalista // Brasil 62 x 53 Bulgária // Brasil 63 x 66 União Soviética // Brasil 99 x 71 Porto Rico // Brasil 81 x 67 Estados Unidos // Brasil 73 x 49 Chile

Eles merecem, sempre, nossas homenagens e nossas reverências. O Brasil já foi grande no basquete, e deve muito a Wlamir, Amaury, Kanela, entre outros. Palmas a eles, eternamente. Que a memória desses grandes ídolos inspire novas conquistas e momentos de glória da modalidade.

2 comentários:

Thiago Anselmo disse...

Ei, nao pode esquecer a revista LANCE-LIVRE, que fará a homenagem com uma edição especial... Sairá nessa semana agora.

Anônimo disse...

Ver o Grego ser recebido com vaias e mais vaias no ginásio no dia da homenagem dos 50 anos do 1° título mundial do Brasil é magnífico. Esse cara merece tudo isso e um pouco mais! Esse cara é o vírus do basquete brasileiro!