quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

O homem Shouse de Franca

Dexter Wayne Shouse (agora com 47 anos) teve uma boa carreira no circuito universitário. Jogando pela South Alabama, registrou de 10,9 e 3,7 assistências e 14,3+4,9 e acabou indo atuar nas Filipinas. Na fraca liga local, chegou a registrar 50 pontos por partida, marca que chamou a atenção do Philadelphia 76ers, da NBA, que o chamou para a temporada 1989-1990. A experiência de Dexter foi rápida (18 minutos) e não teve nenhum ponto para ficar registrado, mas para nós, brasileiros, isso foi ótimo.

Dos EUA ele veio para Franca, onde brilhou na década de 90. Brilhou tanto que ganhou o apelido de Dexter Show, e encantou tanto que daquele time que tinha Vargas e os iniciantes Demétrius ("um grande exemplo de jogador que conheci foi o americano Dexter Shouse", disse o agora técnico de Limeira certa vez), Helinho e Rogério, este blogueiro só se lembra mesmo dos passes e das cestas alucinantes de Shouse, amado pela mais fanática torcida do basquete nacional.

É impossível não lembrar de Dexter, o Homem-Shouse de Franca, no começo da semana das estrelas que a cidade organiza a partir desta quinta-feira. Para quem começou a amar basquete no começo dos anos 90, é impossível esquecer daquele armador que mostrava os caminhos e guiava os francanos a uma vitória atrás da outra. Bons tempos!

21 comentários:

Anônimo disse...

Grande Bala, valeu mesmo o post! Eu vi esse jogador no Franca, juntamente com Sheldon. Ambos formavam uma dupla fantástica no Sabesp/Franca, campeão paulista de basquete. Se não me engano, Dexter foi cestinha no campeonato brasileiro de 1992.

Muito bom mesmo!
Um abraço e parabéns pelo blog.
Ricardo/MS

Luiz disse...

Muito bom jogador, mas para mim o melhor estrangeiro que passou aqui no Brasil foi o Morgan Taylor, que foi trazido pelo Zé Boquinha e conquistou o título de campeão paulista por Rio Claro em 1987.
3-1 no play-off final, contra o Monte Líbano, que tinha 6 jogadores do Pan-1987: Mauri, Cadum, Vilas Boas, Pipoca, Gerson e André.
Abraços

Gustavo Godoi disse...

Perfeito Bala,eu era novinho,mas me lembro dos lances dele,espetacular,era o melhor..Bons Tempos,bons tempos...

Dody FBC disse...

Fábio, o Dexter era um espetáculo a parte, tenho jogos da época na integra contra Sírio, Palmeiras e Dharma Yara, com o Dexter fazendo 30 pts, inclusive o épico jogo da briga no Pedrocão. Se quiser posso te enviar cópias pra você colocar alguns lances no blog pra galera recordar.
Abçs.

fábio balassiano disse...

Fala, Dody FBC, beleza?
Quero sim, claro!
Pode me passar um e-mail para fabio.balassiano@gmail.com


Abs, Fábio

Anônimo disse...

O melhor estrangeiro que já aportou por essas bandas...ROCK SMITH!lembran dele??

Esse Dexter era de fato fenomenal,mas tinha um lado muito complicado,inclusive houvwe rumores que passou vários anos preso.

Bert disse...

Ótima lembrança.

Tá embarcando na onda museu também, amigo?

Que isso?

Hahaha!

Breno disse...

Pô Dody FBC,

Se vc puder,manda pra mim tambem esses videos q vc tem do Dexter.

breno8457@gmail.com

marcelo marques disse...

o melhor estrangeiro para mim
foi o askia jones

Anônimo disse...

Não imagina que tanta gente lembraria do Dexter...rsrs
Todos esses estrangeiros foram muito bons, ainda adiciono no início da década de 90, o Patterson (jogou no Palmeiras), Alvin e Brent Merritt (jogaram no Pitt Corinthians do RS), assim como Robyn Davis (de Jales).

Caro Bala, se puder compatilhar esses vídeos, todos nós agradecemos!

Um grande abraço,
Ricardo/MS

Anônimo disse...

ROCK SMITH FOI O ESTRANGEIRO QUE MAIS SE DESTACOU EM SÃO PAULO, MAS DEXTER ERA REALMENTE MUITO BOM, TENHO GRANDES LEMBRANÇAS DOS DOIS, E MUITA SAUDADE DAQUELA EPOCA, EMBORA O BASQUETE FOSSE OUTRO.

Luiz disse...

O Askia também era muito bom. Foi trazido também pelo Zé Boquinha.

Marcio-33 disse...

Vários gringos jogaram muito por aqui, minha lista ,de acordo com o que me lembro, dos melhores 10:

1-Charles Bird
2-Askia Jones
2-Dexter Shouse
3-Grillo Vargas
4-Roky Smith
5-Robbin Davis
6-Brent Merrit
7-Patterson
8-Jeftty
9-Marc Brown
10-Ruffus Leon Jones

Henrique disse...

Se vc tamem poder me envia os videos,ficaria agradecido.vlw
pqdtcampos@gmail.com

Duda 11 disse...

Vi pouco do Dexter ao vivo, mas lembro de algumas partidas e de seus lances! Realmente era um armador espetacular, rápido, que sabia arremessar e tinha ótima impulsão! Além das brigas épicas que tinha com o Hélio! rsrsrs
GALERA, SE PUDEREM, MANDEM PARA MIM TB ESSES VÍDEOS? MEU EMAIL É dudapereira11@hotmail.com.
Valeu!

jeffe disse...

O Dexter Shouse foi melhor jogador americano que passou por Franca. Mas o Helio Rubens o dispensou precocemente. Era bom demais para agradar o treinador francano, que sempre preferiu trazer pivÔs de qualidade duvidosa para Franca. Alas e armadores talentosos dos EUA sempre reforçaram os clubes adversários do time treinado por Helio Rubens.

Anônimo disse...

Hélio Rubens é o maior DINOSSAURO do Basket Brasileiro...!

Quer dizer a arrogância vem há tempo..

Saberiam me informar se o Tato Lópes chegou a jogar junto com o Dexter em Franca?

Bons tempos do basquete Francano.

Gilsinho disse...

Nao o Tato nao jogou junto com o Dexter...seria bom pelo nivel dos 2 nao teria para ninguem no campeonato FIBA mas seria ruim pelo temperamento forte dos 2!!rs Tive oportunidade de jogar na equipe do BOHEMIOS (uruguai) que é equipe do Tato Lopes onde iniciou sua carreira onde hj ele é "dirigente" e Idolo, me encontrando e o conhecendo ele como apreciador o seu jogo. Muito legal Fabio, vi esse posto apenas agora, mas relembrar de um verdadeiro exemplo dentro de quadra, inteligencia, confiança no seu proprio jogo que foi o Dexter!
Era fã dele na primeira vez que veio e depois tive oportunidade de jogar e conhece-lo na sua segunda vinda ao Brasil. Ja com 39 anos (acho) com lesoes, e um passado um tanto triste, ele conseguia ainda mostrar o EXCELENTE jogador que era. Saudades dessa figura.
Muito legal seu blog daqui em diante estarei seguindo o seu e atualizandoo meu G.DeJesus( Gilsinho)

Anônimo disse...

Pessoal, acompanho o basquete Francano a mais de 25 anos, e até hoje não vi nenhum jogador estrangeiro com a qualidade do Dexter ele realmente era um show, amado ou melhor idolatrado pela torcida, e na epoca que ele jogou em Franca nós tinhamos dois times de ponta que travaram duelos épicos.
All Star Sabesp X Dharma Yara
E dentro dessa rivalidade ele se tornou Protagonista com louvor, nos apresentando um jogo fora dos pradões que estamos acostumados.
Quantas saudades do All Star Sabesp Show!!!

Cristiano Oliveira

Danilo disse...

Iai Dody fbc blz cara me fala uma coisa vc pode me mandar tbm esses videos do DEXTER SHOUSE , sou francano e torcedor fanatico do franca basquete e gostaria de relembra as jogadas desse exelente jogador vc pode me mandar por email se posivel ok danilo_novato@hotmail.com abraço e obrigado .

Renzo disse...

Muito legal a ideia do Marcio33. O blog poderia fazer uma eleição dos melhores estrangeiros que já jogaram no Brasil.

Outra coisa: não havia uma história de que o Dexter chegou a fazer parte do elenco do Lakers?
Lembro do Osmar Santos falando isso numa transmissão e´, desde então, aí mesmo que eu passei a prestar mais e mais atenção nele. Achava a "glória suprema" ele ter jogado no Lakers hehehe