domingo, 15 de fevereiro de 2009

Eu não vejo All-Star Game

Sei que virão pedras na caixinha, mas a verdade é: eu não gosto de All-Star Game. Quando criança adorava a festa. Me emocionei com Magic Johnson arremessando na cara de Michael Jordan em 1992. Gostei muito quando Mariah Carey, com seu vestidinho apertado em um uniforme dos Wizards, cantou "Hero" para Michael Jordan, que até jogou bem aquela partida - apesar de ter errado um arremesso no final. Mas para mim, como diríamos aqui no Rio de Janeiro, "já deu". Não tenho mais tanta paciência.

Confesso que olhei o começo da partida das estrelas, na sexta-feira, e dormi de tanto tédio. Vi um pouco do torneio de habilidades, e saí de casa para não morrer de tédio. E é isso que deve acontecer esta noite. Uma cravada raivosa de LeBron James aqui, uma marretada de Dwight Howard acolá, uma cesta belíssima de Kobe Bryant do outro lado, uma gracinha de Shaq O'Neal como sempre...

Na boa, festas são festas. Mas este All-Star Game que está aí, onde os atletas jogam GOLF, não me cativa. Provavelmente amanhã haverá um breve post sobre a partida deste domingo, mas nada mais do que isso, beleza? E que venham as pedradas...

13 comentários:

Ricardo disse...

Nem vou dar pedrada, pois também não ligo muito não.

Tive o desprazer de assistir o concurso de enterradas ontem, que mais pareceu WWE do que NBA, não aguentarei ver o Dwight Howard de novo e a torcida puxando o saco dele toda vez que ele (ou o LeBron) der uma cravada. Deviam dar pontos para a Conferência que ganhasse, quem sabe a partida não ficaria mais competitiva e estimulasse alguma emoção...

Enfim, é festa para americanos, festa bem entediante por sinal.

adriano disse...

Eu tbm acho uma chatice. Mas vc tentou ver a partida das celebridades??? Confessa: vc estava com insônia e queria dormir mais cedo!!! hahahaha

cara, se o jogo das estrelas ainda fosse narrado pelo Luciano do Valle, acho que eu assistiria com mais gosto. "MAGIC!!! POR FAVOR, JOGUE A OLIMPÍADA!!!!!!!!!!" lembra dessa?? huahuahuahuahuahuahuahua

Anônimo disse...

Acho o All Star Weekend válido pela promoção do esporte. Como forma de deixar o basket popular, aproximar o público do ídolo etc. Poder ver todos os caras que estão no auge numa mesma partida deve ser bakana. Só que nos Estados Unidos onde tudo vira show, acho que perdeu o sentido. Tanto que já na escolha dos participantes nem sempre ps melhores são selecionados. As brincadeiras no campeonato de enterradas ontem passou do limite.
No entanto, algo nos moldes do All Star no Brasil seria interessante para popularizar novamente o basket. Isso é claro nos antigos moldes do All Star, sem a monotonia atual. O problema é que aí eu lembro que estamos no Brasil, e se na terra do basket o All Star Game descambou pra essa monotonia desanima só de pensar como seria aqui.

Heverton Elias

Luiz Melo disse...

Trata-se simplesmente de uma brincadeira. Afinal os jogadores vão lá só para fazer de conta de que jogam, se divertir a ter um descanso bem vindo. De resto, se não tiver mais nada para fazer, até devo dar uma olhada.

deko disse...

poxa bala....vc ta parecendo akeles velhos ranzinzas e mal humorados...relaxa....hahahahh

wayand disse...

Ainda mais hoje em dia em que temos M Williams, Jameer Nelson, etc..tivemos Mike Miller, Jamaal Magloire, etc...
Quando começei a ver nba, o banco dos times tinha Olajuwon ou Robinson, Barkley ou Malone, Stockton, Pippen, etc, etc, etc...aí sim dava gosto...

Gabriel disse...

Ando sem paciencia tambem Fabio.Pensava sobre isso inclusive,com a festa se aproximando.Quando era mais novo delirava com Shaq,Jordan,Hakeem,Robinson.Mas nao vejo muita graca nessas ultimas edicoes nao...nada de saudosismo,mas os tempos sao outros.
Talvez seja soh o meu mau humor cronico.Talvez.
Mas podem mandar as pedras tambem,ainda mais se o Sr.James levar o MVP novamente.

P.S:Confesso que minha unica curiosidade eh ver Kobe e Shaq ensaiando algumas jogas juntos.

klock disse...

Não teve carretilha porque ja estava tudo programado, não houve uma competição as enterradas de Rudy Fernandes foram de de MUITO longe as melhores da noite, o resto repetição básica, salvo a primera do D12 na final.
Não acredito que as notas dadas pelos jurados tenhão sido verdadeiras desde o começo ja devia ter sido programado o grandão Vs o baixinho, os dois últimos campeões algo como uma batalha época entre dois jogadores muito distintos,acabo que o povo não gosto e vaio.

PS: não acho que houve xenofobia em relação ao Rudy, quando ele recebeu as notas os jurados foram vaiados pelo publico.

Leoni disse...

Não tá velho não do início ao fim é só tristeza...aquele jogo que mistura estrelas, ex-jogadores, jogadoras da WNBA e globotrotters é o pior de tudo...dava gosto ver um all star como o de 90...olha a seleção:

Charles Barkley,Larry Bird,Patrick Ewing,Michael Jordan,
Isiah Thomas, Kevin McHale, Joe Dumars, Robert Parish, Reggie Miller, Dominique Wilkins,
Dennis Rodman e Scottie Pippen.

Dá para encarar?

Marcelo Alves disse...

Vi a competição de enterradas e achei completamente entediante. O problema do All-Star Game, é que ele não vale nada. No baseball, o jogo das estrelas tem alguma importância, mas o All-Star do basquete só não é pior do que o jogo das estrelas do futebol americano. Esse sim é uma completa xepa que acontece depois da temporada com todo mundo já de saco cheio. os dois espotes deviam repensar esse jogo. Ele devia valer alguma coisa, dar alguma motivação aos atletas. Do jeito que está, é pior do que jogo de campeonato estadual.

Anônimo disse...

as uma classica do fabio
"falem mal mas falem de mim"
quanta ignorancia!!

Jônathas Waldhelm disse...

o ASG tb foi bem meia-boca, pra falar a verdade.
esperava beeem mais do jogo.

fábio balassiano disse...

adriano, claro que lembro do luciano do valle falando aquelas coisas engraçadíssimas!
eram ótimos tempos, não?
principalmente porque alguns dos jogos eram no domingo, e a cochilada na aula de segunda tinha um ótimo motivo!
espero que meu pai não leia isso!

abs, fábio