segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Brasília campeão da Liga das Américas

Confesso que não vi nenhum jogo das finais da Liga das Américas, mas fico feliz com o título do Brasília. Na boa: neste momento de draga total, qualquer boa notícia nos faz sorrir. Mesmo que a vitória tenha sido apertada (86-83) contra um time mexicano.

Parabéns a Lula Ferreira, um bom técnico para os padrões brasileiros, e aos seus comandados - em especial a Alex e Valtinho, que, pelo que li, estiveram muito bem no torneio. Quem tiver conferido as partidas e quiser comentar na caixinha...

4 comentários:

Claudio Uchoa disse...

Tá na cara que você tá alienado sobre o basquete do continente. O Halcones Xalapa era o favorito absoluto para conquistar o título. Além de jogar em casa, e contar com 3 bons norte-americanos, despachou equipes argentinas, uruguaias e brasileiras.

Giuliano disse...

O Alex jogou muito mesmo. Incansável, correu e defendeu muito, como sempre, e ainda derrubou importantes bolas de 3 no fim do jogo.
Já o Valtinho, oscilou. Teve momentos bons e momentos tenebrosos. Não o vejo mais capaz de manter um jogo de bom nível com regularidade.
De qualquer forma, o jogo contra o Halcones foi uma bela duma pelada, uma correria maluca. Era um tal de arremesso com 7 segundos de posse que era uma festa.
O nosso amigo Cláudio Uchoa que me perdoe, mas o Halcones é um time ridículo, que só tem a bola de 3 (até aí, nenhuma novidade, mas os caras chutam mais que o Marcelinho Machado).
Se criaram a Liga das Américas para transformá-la numa Euroliga no Novo Mundo, receio que deram com os burros n'água. Os times ainda são fracos, horríveis. Mesmo os outrora fortes argentinos este ano trouxeram times péssimos (deu dó ver o que virou o Libertad Sunchales).
De qualquer forma, concordo com o Fábio, nestas épocas tenebrosas, ver um time brasileiro comemorar um título internacional é muito bom, mesmo que o torneio não seja lá aquelas coisas. Torci muito e vibrei com o Universo/BRB, que está de parabéns pela conquista, assim como seus jogadores e comissão técnica.

Claudio Uchoa disse...

Giuliano, voce que me perdoe, mas o time ridiculo e um dos melhores das Americas. Eu não sei o que voces esperam dos times daqui. São fracos mesmo. E aí? Devemos parar de jogar basquete? Convida time europeu para disputar os torneios daqui?

Para o nivel das Americas, o Halcones e uma equipe fantastica, sim. E o Universo tem muitos meritos por ter vencido. O Libertad Sunchales é o atual campeão e o vice lider do campeonato argentino nesta temporada, o Bigua é o campeão do Uruguai, o Solis Mexicali chegou na fase final da Liga das Américas no ano passado, o Capitanes de Arecibo é o campeão de Porto Rico. Os 3 melhores times do Brasil no ano passado participaram.

Que historia e essa de “receio que deram com os burros n'água. Os times ainda são fracos, horríveis”.

Salvo um time da Argentina (Quimsa) e um do Brasil (Minas), todas as demais conquistaram suas vagas na quadra. Que historia e essa de convidaram times ruins? Queremos explicações!!!

Giuliano disse...

Cláudio, respeito a sua opinião, mas discordo dela.
Para mim, um time deixa de ser ridículo quando joga bem. E por jogar bem, me refiro a variações de jogadas, defesa forte, uma carga tática respeitável, bons jogadores em termos individuais. O Halcones pode até ser um dos melhores da Latinoamerica, mas não tem quase nada disso. Tanto é que eu acho o Biguá um time mais estruturado do que eles.
Não tirei o mérito do Universo pelo título, pelo contrário. Apenas me recuso a entrar no oba-oba. Ganhamos? Ótimo, mas em que condições?
Em relação aos outros times, sorry, mas eu não me contento com o que vi. Não acho possível ter aqui o nível da Euroleague, claro, mas nenhum dos times que vi na Liga das Américas poderia remotamente fazer frente a um TAU, DKV Joventud, CSKA, Efes Pilsen, Partizan ou Zaugiris Kaunas.
Quanto a esses convites, não sei do que você está falando.
Saudações...