sábado, 13 de junho de 2009

Os acertos e os erros da decisão do NBB

Valtinho foi bem com 12 pontos, oito assistências, seis rebotes e ótimo volume de passes. Alex fez 17 pontos e Arthur outros 14. Mas a vitória de Brasília sobre o Flamengo nesta tarde no HSBC Arena (81-71, 1-1 na série e fim da invencibilidade rubro-negra de 24 jogos) começou pela tática de Lula Ferreira. O ex-técnico da seleção optou por colocar Alex no combate a Marcelinho Machado. O resultado? O camisa 4, que não parou de chutar tresloucadamente (expondo, assim, as suas deficiências como um jogador completo que ele poderia ser), teve 2-11 da linha de três pontos (seu time, também com péssima leitura, terminou com 3-19 de longe). Com isso tudo ficou mais fácil.

Sobre os aspectos de dentro de quadra, vale destacar a falta de educação de Hélio e Jefferson, que xingaram ("vai se f...") o técnico Chupeta quando foram substituídos. Vale, também, uma menção elogiosa ao "maluco-beleza" Diego, que freou a reação do Flamengo com arremessos milagrosos (OK, antes ele havia tentado um passe de costas...). No entanto, a partida, em que pese a dedicação das duas equipes, não foi mais que razoável pelo mesmo motivo que quase todas neste país: temos um jogo de arremessos de fora e contra-ataque (ainda!). Quando as bolas não caem e o jogo de transição inexiste, os times ficam perdidos, absolutamente perdidos.

Para completar, foi triste o que se viu em termos de organização na HSBC Arena. A torcida rubro-negra, que fez bonito (cerca de 11 mil pessoas) com sua música, teve a conivência sabe-se lá de quem para descer para perto da quadra. Duas brigas ocorreram, um amontoado de pessoas se fez presente diante dos bancos e aqueles que haviam pago por ingressos mais caros tiveram que se contentar com uma companhia inesperada. Além disso, o mundo de gente dentro da quadra ao final do duelo foi de lascar. Amanhã tem outro duelo, e o que se espera é que a polícia esteja no ginásio desde o princípio (e não no meio do terceiro quarto, como ocorreu hoje).

E aí, viu a partida do NBB? Comente na caixinha!

12 comentários:

Diogo Costa disse...

o problema é q até o terceiro quarto a polícia estava na fila.

o povo brasileiro não tem jeito. chega em cima da hora do jogo, e sempre tem os espertões que querem furar a fila. portanto o jogo já havia começado e centenas (pra não dizer milhares) de pessoas ainda estavam do lado de fora.

a torcida foi pra perto da quadra, com certeza com conivência do clube. é ÓBVIO que com o flamengo perdendo o jogo, tentaram usar a torcida pra empurrar a equipe. tanto que no início do terceiro quarto o flamengo diminuiu pra 2 pontos a diferença.

jdinis disse...

Hoje o Valtinho jogou bem e, assim, o Brasília foi um time. Quando o Valtinho está mal é um bando!

O Marcelinho lembrou seus "grandes" momentos de seleção brasileira, errando tudo e insistindo em arremessar. É impressionante que ele diz que está mais maduro, jogando mais coletivamente mas na hora em que as coisas estão ruins não resiste e tenta resolver tudo sozinho.

Acho que o Flamengo continua favorito, pois hoje não caiu nada, nem arremesso desmarcado. O Diego também acertou umas bolas dignas do Kobe Bryant, completamente marcado e mesmo assim acertando.

Nota positiva: a homenagem as jogadoras campeãs do mundo no intervalo. Será que a Helen ainda volta para a seleção?;

Nota negativa: o Chupeta falando que os jogadores não estavam forçando arremessos de fora (O Leandrinho, que é arremessador, ressaltou bastante o fato);

Nota negativa 2: a arbitragem. Teve uma bola na descendente do Jefferson que foi escandalosa.

Sds.

fábio balassiano disse...

jdinis, assino embaixo. mas da arbitragem eu não falo mais.
é inacreditável o que houve hoje, sinceramente. este lance do jefferson foi, digamos, o de "menos".
teve pancadaria no garrafão, erros de sinalização, ameaças aos técnicos...
vixe!
abs, fábio

marcelo marques disse...

marcelinho machado é ridiculo

uma das maiores farsas do basquete brasileiro


não quero ve-lo na seleção brasileira de basquete CHEGA DESSA MALA

Anônimo disse...

Estava preocupado com esta serie, pois aguentar estas carioquices por parte dos blogs cariocas,valorizando o desvaneio de uma diretoria transloucada, se achando melhor que NBA, estava demais.
Cairam na real agora, um clube falido,de futebol, que nao paga NINGUEM, monta um super time a revelia dos valores morais,em delerio de um ex diretor e passando o bastao da gestao para um pior ainda, que ao inves de sanar as loucuras, acelera ainda mais os projetos megafantagalaticos, pois ganha dinheiro em cima de tudo e ainda se acham a ultima bolacha do pacote.)onde ja se viu, fazer no HSBC e nao conseguir lotar pela metade.
A NBB nao merecia estar passando por esta final,FORA CALOTEIROS!!!!
Temos que passar a limpo este basquete

Anônimo disse...

Sobre o comentario acima eu concordo que o ex diretor abusou ao contratar jogadores mais caros quando o time ja estava atrasado em 3 meses.
A diretoria nova tem que cumprir os contratos entao nao tem culpa. E fazer na HSBC Arena foi a melhor opcao levando em conta que nao havia outra opcao e e um otimo ginasio. E haviam 11 mil pessoas no ginasio, o que prova que se for bem divulgado o basquete e capaz de atrair grandes publicos.
E o q isso tem a ver com carioquissse?? A liga e comandada pelos clubes e para o primeiro ano ja esta muito melhor que edicoes anteriores promovidas pela CBB. Vejo um futuro de evolucao.
Agora espero que seja tambem evolucao dos tecnicos. Jogadores fazem o que querem em quadra sem serem reprimidos em nada! Agora ate xingando o tecnico em rede nacional numa final fazem e o tecnico fica la parado!
Os jogadores precisam de uma lideranca, nao se pode deixar na mao deles porque senao vira essa bagunca, cada um acha que esta certo e faz do seu jeito!

Anônimo disse...

e o MONCHO......cadê???

Estamos nas Finais do campeonato, onde está o técnico da Seleção?????

Anônimo disse...

vc deveria perguntar ao Neto e cia..

Anônimo disse...

ao anonimo q acha normal nao pagar.
Ja pensou se todos os times contratassem e nao pagassem!!!!!!
Isso q e cariocada entendeu agora....
11.000 pessoas na arena, nao tinha 5000 e olha la...

Lívia disse...

Anônimo, já se questionou se os jogadores agem com tamanha falta de respeito a um técnico porque ele não saiba cumprir o seu papel e fique desacreditado perante a equipe?
Acredito que seja o caso do Chupeta no Flamengo. E é exatamente o que você disse: os jogadores precisam de liderança, caso contrário vão fazer o que bem entendem e se meter nas decisões do técnico, como tem acontecido.

Anônimo disse...

como os jogadores jogam por favor se sentem no direito de fazer o q quiserem,fingem que recebe e fingem que respeitam....
esta palhacada tem q acabar,o q a diretoria do Flamengo fez nao respeitando o dinheiro dos outros.
A diretoria anunciou que se ganhar o titulo iram desfilar na sapucaiiiii...

Anônimo disse...

Sede da 'embaixada' do Fla em Curitiba é depredada por grupo de torcedores.

Queremos isso para o Basquete!!!!!!!!!