domingo, 14 de junho de 2009

A festa em L.A. e o ano brilhante de Kobe

Que tal os últimos 12 meses de Kobe Bryant? MVP em 2007-2008, vice da NBA, ouro olímpico em Pequim e agora campeão da liga após ajudar os Lakers (30 pontos, quatro tocos, seis rebotes e cinco assistências) a fazer 99-86 no Orlando Magic e fechar a decisão em 4 a 1. Décimo-quinto título da franquia, quarto de Kobe, décimo do técnico Phil Jackson e o primeiro de Pau Gasol, outro monstro angelino (14 e 15). Não precisa dizer que o camisa 24 terminou como o MVP das finais, né?

Como ocorreu em boa parte da série, o Orlando começou melhor, abriu nove pontos e caiu de produção. Foi aí que, com Lamar Odom em quadra, o Lakers cresceu. Em um momento do segundo período, que terminou em 30-18, o time de Los Angeles fez 16 pontos seguidos. A toada seguiu depois do intervalo, com os Magic murchando e vendo o título fugir de vez. Howard, Lewis e Turkoglu, que pode ter jogado a sua última partida pela franquia da Flórida, têm talento, mas ainda são muito instáveis e precisam de um arremessador confiável de fora (Jameer Nelson, se estivesse 100%, poderia ser este cara).

O título faz justiça ao brilhante trabalho de Phil Jackson (um gênio), à raça de Derek Fisher (quarto anel também), ao talento de Pau Gasol, ao crescimento de Trevor Ariza, à volúpia de Lamar Odom e, principalmente, à genialidade de Kobe Bryant. Se alguém ainda precisava disso para dizer, aí está: o cara é campeão como O cara do Lakers. Parabéns aos angelinos!

E aí, viu o jogo? Gostou do título do Lakers? Comente na caixinha! A partir da manhã de segunda-feira o blog começa uma série de artigos sobre os heróis da conquista e sobre os próximos passos da franquia.

8 comentários:

WAYAND disse...

CAMPEÃO!!!! Não adianta nada fazer dançinha antes dos jogos no aquecimento. Não dá pra comparar. Kobe está mais próximo de Jordan do que Lebron de Kobe. Sem dúvida!!! Um jogador completo. Técnica pura.
Gasol, um craque. Que técnica. Melhor power forward este ano, disparado.
Ariza, não fica preso em um bloqueio, sempre sai junto do atacante. Lembra demais um tal de Scottie Pippen.
É assim, mais uma vez campeão. Odeiem mais o Kobe. Só o faz treinar mais, querer competir mais, e por consequencia, vencer mais.
Parabens a Phil Jackson, um cara que motiva a todos os atletas e os faz smepre tirarem o melhor de cada um.
LAKERS!!!
D FISH FOR PRESIDENT!!!

Osama_Lakers disse...

U-HUHUHUHUHU!!!!! CAMPEÃO!!!!! DÁ-LHE LAKERS!!!!!! A gente nem tem palavras, dada a fantástica campanha e a superação que foram os jogos da pós-temporada (de melhor time do Oeste a time com "comportamento bipolar" e daí a campeão!). UFA!
Um abraço a todos os torcedores do Lakers e também aos torcedores adversários - o brabo vai ser esperar até novembro...

Leonardo disse...

Kobe Bryant em demasia. Excitante, empolgante, simplesmente inspirador. Essas são os sentimentos que Kobe impele nos seus fans, nos seus companheiros, nos seus amigos, nas vidas de todos nós, amantes desse esporte incrível, desse fantástico e fabuloso esporte. Eu saí da natação para jogar basquete pois eu buscava emoção, competitividade, queria um esporte onde se vence pela garra e pelo amor à vitória. E Essas finais me lembraram o porquê que eu comecei a jogar basquete. Grande título, grande jogo, grande jogador. MVP sem dúvidas.

Anônimo disse...

Parabéns LAKERS.
Prabéns KOBE.....Aproveite o presente, pois o futuro é do LB!!!

Técio Martins disse...

O Kobe é um gênio e como eu já disse aqui, ele jamais vai ser esquecido. Evito comparar ele ou qualquer outro jogador com outro fora da sua época, dado a "evolução" do jogo em todos os aspectos.
Mas se formos comparar a qualquer jogador de basquete na atualidade. Kobe é disparadamente o melhor. Técnica, motivação, responsabilidade. Tudo. O cara é foda!

Anônimo disse...

A verdade que o Orlando em nenhum momento demonstrou a vontadde de vencer esse campeonato como o Lakers. Aliás, nenhum time demonstrou tanta vontade de vencer. A derrota na temporada passada para o Celtics pós sangue nos olhos dos jogadores do Lakers. A forma como Gasol e Odom jogaram os playoffs mostram tudo. Uma garra, uma gana de mostrar que poderiam melhorar que poderiam fazer um jogo físico. Além da vontade o Lakers esse ano contou com uma peça a mais. No fim do ano passado quando todos os torcedores do Lakers choravanm a falta de Bynum eu dizia, Ariza faz mais falta a esse time do que Bynum. Claro que o Bynum pode crescer, e se tornar um pivó dominante e fundamental na franquia, mas alguns jogos que eu vi do Arisa na temporada 2007-2008 mostraram que ele já era mais do que futuro, uma realiadade num Lakers que precisava tanto de um exímio ladrão de bola no perímetro. Kobe Bryant é um capítulo a parte. Falem o que quiserem, mas depois que Jordan aposentou, Kobe é o melhor jogador que surgiu. Um imenso repertório de jogadas, um exímio atirador de longa distância, um excelente defensor e agora um Líder. Kobe não é Jordan, e nestas finais averiguamos que em momentos decisivos ele tomou decisões erradas, em outros momentos chutou feito um maluco, e com um aproveitamento não muito bom. Porém, isso não tira dele o mérito de ser o melhor jogador de sua tempo.

Heverton Elias

PauloRJ disse...

Heverton, concordo plenamente com você com relação ao Ariza, acho que ele foi peça fundamental neste título do Lakers, e ajudou muito mais do que o Bynum...mais uma vez o GM do Lakers fez a coisa certa ao despachar o Radmanovic...ele só arremessava de 3...o Ariza faz os arremessos de 3, defende muito bem, rouba bolas e ataca a cesta...

Infelizmente não vi o jogo 4 (fui passar o feriado fora e não levei o notebook para alegria da família), mas o Lakers jogou muito bem o jogo 5...

Quanto ao MVP, tenho certeza que o Lebron trocaria o da temporada regular por este das finais, assim como o Kobe trocaria o da temporada passado com o Paul Pierce...

Para mim o verdadeiro MVP é o Kobe, pois sacrificou os números individuais pelo sucesso do time, foi líder e não foi mimado ... não saiu chorando depois que tiraram o doce da boca dele ... Lebron ganhou o da temporada regular porque o CAVs teve melhor campanha, além de ser o queridinho da midia ... queridinho demais dá nisso, fica mimado...

Gabriel disse...

Ida de Radmanovic para Charlotte = grande reforco para o campeonato.